O curso de beneficiamento e transformação caseira da mandioca iniciou-se nesta terça-feira (27) e será finalizado na próxima quinta-feira dia (29).

Presente nas refeições do sul-mato-grossense, seja no churrasco ou acompanhando as demais refeições, a mandioca foi considerada o alimento do século pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO). A raiz pode ser utilizada para o preparo de diversos alimentos, desafio proposto no curso de 'Beneficiamento e transformação caseira da mandioca', realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de MS.

 Segundo a Secretária de Assistência Social, Renata Canhete, o baixo custo e a facilidade de encontrar a raiz nos supermercados. "A mandioca é muito consumida em nossa região e esse fator gera oportunidade de renda para quem investe na produção de pratos que levam a raiz", diz Renata, que incentiva os participantes do curso a ir além da produção doméstica.


Os participantes aprendem receitas de bife empanado, bolo de mandioca, pão de queijo, chipa, coxinha, croquete, palmito, torta salgada, pudim e bom-bocado, além da farinha e do polvilho doce de mandioca. Além das receitas São adquiridos conhecimento de noções de higiene no preparo dos alimentos, cuidado com a limpeza dos alimentos para evitar a contaminação e o surgimento de doenças através dos alimentos.

O curso de beneficiamento e transformação caseira da mandioca iniciou-se nesta terça-feira (27) e será finalizado na próxima quinta-feira dia (29). O curso está sendo realizado no CRAS. É uma parceria com o Sindicato Rural do município, Senar/MS e prefeitura municipal de Corguinho. Serão capacitadas 12 pessoas.

Para saber mais desse e de outros cursos entre em contato no fone: (67) 3250-1220 rua José Bonifácio nº 360, Centro.

Fonte: Assessoria de comunicação

Data de publicação: 27/03/2018

Créditos: Assessoria de imprensa

Créditos das Fotos: internet

Compartilhe!